Cirurgia Citoredudora/HIPEC

Recentes avanços no tratamento do câncer tem permitido ao CAD oferecer tratamentos mais efetivos do câncer em seus estágios avançados, devolvendo aos pacientes já sem qualquer alento e perspectiva, novas esperanças de aumento de sua sobrevida e até renovadas as possibilidades de curabilidade que até recentemente não mais possuíam. Entre estes avanços o CAD tem realizado a cirurgia citoredutora associado a quimioterapia hipertérmica intra-peritoneal, mais conhecida como HIPEC.

O HIPEC é uma sigla em inglês que significa quimioterapia intra-abdominal hipertérmica onde o quimioterápico aquecido em altas concentrações é liberado no interior do abdome ao término da cirurgia. A medicação aplicada no interior do abdome de forma quente (41 a 42 graus Celsius) permite um maior aumento da absorção da mesma por parte do tumor, destruindo uma maior quantidade de células tumorais e tornando o tratamento extremamente efetivo.

O foco deste tratamento é liberar o quimioterápico diretamente nas células tumorais, diferentemente da quimioterapia sistêmica que faz com que o quimioterápico circule por todo o corpo.

Como funciona o tratamento?

O HIPEC é utilizado após a realização de retirada do tumor abdominal visível. Uma vez a massa tumoral removida ou diminuída de tamanho (cirurgia citoredutora), a solução quimioterápica aquecida e estéril é liberada no interior da cavidade abdominal por sobre o tumor residual ou células microscópicas residuais, penetrando e destruindo diretamente as mesmas. Este “banho” com solução quimioterápica aquecida circula pela totalidade do interior do abdome por cerca de 1 hora e meia com ajuda de uma bomba externa de circulação, dilatando os vasos sanguíneos e penetrando maciçamente nos tecidos. Finalizado o tempo, a solução quimioterápica é completamente drenada para fora e o abdome novamente fechado.

Para pacientes com cânceres em fases mais precoces ou que não vão ser submetidos a ressecções extremas, o HIPEC pode ser realizado através da videolaparoscopia, quando pequenas incisões são utilizadas.

O HIPEC é atualmente a principal e mais efetiva opção de tratamento para as lesões tumorais avançadas que atingem o peritônio.

Vantagens do HIPEC.

  • Permite a aplicação de altas doses de quimioterápicos que atingem altas concentrações no tumor
  • Permite que altas concentrações do quimioterápico fiquem restritas ao interior do abdome
  • Minimiza a exposição do restante do corpo ao efeito das drogas quimioterápicas
  • Aumenta a absorção quimioterápica e eficiência destas sobre as células cancerígenas
  • Reduz diversos para-efeitos da quimioterapia, entre eles a queda de cabelo
  • Qualidade de vida dos pacientes submetidos a HIPEC é na grande maioria melhor do que aqueles submetidos a quimioterapia sistêmica ou apenas a cirurgia.

Principais indicações:

  • Câncer de apêndice
  • Câncer de peritônio(mesotelioma maligno, pseudomixoma peritoneal, ....)
  • Ascite neoplásica
  • Câncer de ovário
  • Câncer coloretal
  • Câncer de estômago
  • Outros cânceres localmente avançados do abdome
  •  

Assista o vídeo esquemático à respeito de como o HIPEC

CONSULTÓRIO

Centro de Cirurgia do Aparelho Digestivo