Você também deveria conhecer o Vale do Silício! Entenda o porquê!

blog hub da saúde

O Vale do Silício, para quem não conhece, é uma região de cerca de 80 km quadrados, que concentra 25% de todo capital de risco do mundo, e é considerado o maior polo de inovação mundial. O Vale compreende a região da baía de São Francisco no estado da Califórnia, na costa oeste dos Estados Unidos, e abrange várias cidades como Palo Alto, São Francisco, Berkeley, Los Altos, Los Gatos, Santa Clara e San José, entre outras, e não tem uma definição exata de extensão.

Para entendermos então o mindset deste lugar único, precisamos conhecer algumas características desta região – que é o lar de muitas empresas que estão literalmente mudando o mundo como Facebook, Apple, Instagram, Netflix, Uber, e Google entre outras.

Historicamente, a região aparece em destaque no cenário mundial, pela primeira vez, na metade do século XIX, com a corrida do ouro, tendo recebido pessoas de todo o mundo em busca de enriquecimento rápido, o que transforma a cidade de São Francisco de um pequeno acampamento em uma cidade próspera, e favorece o surgimento de novas cidades ao redor da baia de São Francisco, levando inclusive ao reconhecimento da Califórnia (Golden State) como um estado americano em 1850. Junto com a migração de milhares de americanos e de estrangeiros de todo planeta, surgiu na região um intenso comércio, e reza a lenda que os comerciantes da época ganharam mais dinheiro que os próprios garimpeiros. Muitos dos primeiros garimpeiros que chegaram no ano de 1849, na região, ganharam muito dinheiro e serviram de chamariz para cada vez mais pessoas para a região, mas os que chegaram nos anos seguintes, tiveram ganhos modestos, ou mesmo perderam dinheiro, tendo que procurar outra atividades para sobreviver, diversificando a economia da região o que pode explicar as origens do ímpeto empreendedor da região.

A longo prazo, o legado da corrida do ouro, resultou no “sonho californiano”, onde as pessoas relacionavam a região com um lugar ideal para recomeços e grande oportunidades, o que levou a um novo processo de migração interna, colocando a região em situação de liderança em diversos ramos industriais.

Entre as diversas empresas criadas no século XIX, na região, algumas chegaram ao século XXI como a Levis Strauss (1873) que inventou a calça jeans para vestir os mineiros, e a Wells Fargo que foi fundada em 1850, como uma companhia de transporte de diligencias e hoje é uma das maiores empresas de serviços financeiros do mundo.

No século XX, São Francisco tem participação importante na segunda guerra mundial, com grandes investimentos financeiros governamentais, sendo um dos maiores fabricantes de navios de guerra do mundo, o que trouxe muitos soldados para a defesa da cidade contra um possível ataque japonês, levando a cidade, ao final da guerra, a atingir uma população de 828 mil habitantes. Na década de 1950, além de ser sede da criação da Organização das Nações Unidas, vira o centro da contracultura nos Estados Unidos, com o movimento hippie, na década de 1960 estudantes da Universidade da Califórnia vão as ruas para lutar pela liberdade de expressão (Free Speech Movement), e na década de 1970 é onde surge o movimento gay e LGBT com a criação da bandeira arco-íris e a parada gay. Estes fatores são os responsáveis por um dos grandes diferenciais destas região hoje, que tem cerca de 40% dos habitantes de outros países: a diversidade de povos, de línguas, e de culturas, o que gerou uma das marcas da região – o respeito a diversidade.

Outro marco importante foi o advento da tecnologia à região, com a criação do parque industrial de Stanford em 1951, considerado o primeiro parque tecnológico do mundo, que vem se somar à tradição de pesquisas militares voltadas para o setor aeronáutico e de comunicações da região. Daí surgem as empresas de semi-condutores a base de silício, que irão dar o nome a região (Vale do Silício) com a Shockley semicondutores – de onde funcionários insatisfeitos vem a fundar a Fairchild Semicondutores, com o dinheiro de um investidor (considerado o primeiro investidor de capital de risco): Arthur Rock.

Com a guerra fria e a corrida espacial, novamente a região tem papel destacado na historia dos Estados Unidos, sendo o local escolhido para o projeto de levar o homem à lua, segundo desejo do então presidente Kennedy, sendo fundada a NACA, posteriormente renomeada como NASA, que na procura das melhores mentes em tecnologia capazes de ajudar nesta empreitada encontram parceria com a Fairchild semicondutores. Para a corrida espacial se tornar uma realidade, muito recurso financeiro livre foi empregado na região. Essa parceria, segundo Isabela Borrelli, foi mais um ponto importante para influenciar a região com uma mentalidade ainda mais inovadora e uma cultura de assumir riscos constantemente.

Através do parque industrial de Stanford, que nada mais era que um conjunto de escritórios alugados para empresas de alta tecnologia, como Varian Associates, Hewlett-Packard, entre outras, houve a atração de empresas que se estabeleceram em torno do campus de Stanford, criando o que foi chamado de Vale do Silício em alusão ao elemento utilizado para confecção dos chips fabricados por empresas como Intel e AMD.

Mas nada disso seria possível sem o conhecimento gerado pelo histórico acadêmico da região através de universidades de vanguarda como a de Berkeley e Stanford. fundadas em 1868 e 1885. respectivamente, que através de parcerias com as empresas de tecnologia ajudaram a criar o ambiente adequado à inovação e ao desenvolvimento tecnológico da região, que hoje ainda conta com universidades como a Carnegie Mellon University (West Coast Campus), Universidade Estadual de San Jose, Universidade de Santa Clara, e as mais modernas Singularity University (futurismo) e Draper University (empreendedorismo).

Segundo Maurício Benvenutti, um dos sócios fundadores da Startse, além dos fatores históricos já citados, o que torna o Vale do Silício o maior polo de inovação do mundo é a mistura de rebeldia, necessária para o impulso inicial, somada ao conhecimento, que define como as ideias serão postas em práticas, acrescentado do capital financeiro, na forma de investimentos fundamentais para tirar as ideias do papel.

Tudo que foi comentado aqui gera um ecossistema vencedor, que proporciona o surgimento de novas empresas, produtos e soluções disruptivas (que rompem com o lugar comum), e com forte propósito de tornar o mundo melhor, de impactar positivamente a vida das pessoas, sendo o lucro um mero resultado do sucesso em ajudar as pessoas.

Referências Bibliográficas:

Wikipedia. Corrida do Ouro na Califórnia. https://pt.wikipedia.org/wiki/Corrida_do_ouro_na_california. Acessado em 01/07/2018.

Borrelli, Isabela. Conheça o Vale do Silício. A região mais inovadora do mundo. E-book. Startse.

Benvenutti, Maurício. Incansáveis. Ed. gente. 2016.
Sobre o autor: Dr. Carlos Eurico Pereira – Pneumologista CRM 21443
Atua em Santa Cruz do Sul na Clínica Respirare

Facebook
Twitter
LinkedIn
Traduza »